Informativos

Reconhecimento ao Biomédico no Estado do Paraná

Esta sexta-feira, dia 27, será de grande importância para a classe biomédica do Estado do Paraná. Em comemoração ao Dia do Biomédico, comemorado 20 de novembro, a Assembleia Legislativa do Estado do Paraná realizará sessão solene a partir das 10h, em proposição feita pelo deputado Ademar Luiz Traiano, presidente da Alep. Na ocasião, dez profissionais de destaque serão homenageados pelos serviços prestados ao estado.

Foto (Divulgação).
São eles Cássia Thaïs Bussamra Vieira Zaia (coordenadora do Curso de Biomedicina da UEL); Daiane Pereira Camacho (delegada de Maringá do CRBM-1); Durval Rodrigues (conselheiro do CRBM-1); Janaina Naumann Nasser (delegada de Guarapuava do CRBM-1); Maria Angélica Ehara Watanabe (professora do curso de Biomedicina da UEL); Mauro da Veiga (biomédico de Maringá); Rogério Saad Vaz (coordenador do curso de Biomedicina da Faculdade Pequeno Príncipe) e Thiago Yuiti Castilho Massuda (delegado da Seccional de Curitiba do CRBM-1).

Também estarão presentes pelo reconhecimento à profissão, o presidente do Conselho Federal de Biomedicina, Silvio José Cecchi, e o presidente do Conselho Regional de Biomedicina-1, Dácio Eduardo Leandro Campos.

A carreira do Biomédico em pauta

Às 14h do mesmo dia, aproveitando a presença de representantes do interior em Curitiba, será realizada reunião na sede da Seccional de Curitiba, no Bigorrilho, que terá como assuntos principais a alteração da matriz curricular nas instituições de Ensino Superior e a inserção do biomédico nos planos de cargos, carreiras e salários das prefeituras e do estado. Atualmente, o Paraná é o estado brasileiro com o segundo maior número de biomédicos inscritos no CRBM, ficando atrás apenas de São Paulo.

Fonte: Paran@shop / Gustavo Zielonka

Artigo por: Raphael Gonçalves Nicésio

Os artigos do blog são destinados a estudantes, profissionais e pessoas que se interessam pela biomedicina e demais áreas da saúde. O conteúdo não visa substituir as orientações de um médico, portanto não deve ser utilizado para autodiagnóstico ou automedicação.

Licença Creative Commons
Esta publicação está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional. Não é permitido duplicar, copiar ou reproduzir qualquer parte sem autorização prévia.

0 comentários:

Postar um comentário

2007-2016. Biomedicina Brasil. Tecnologia do Blogger.