Imunologia

Imunização contra H1N1 atingiu 81 milhões de pessoas

O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, anunciou nesta quinta-feira (17) que 81 milhões de pessoas foram vacinadas em 2010 contra a gripe A (H1N1). O número, registrado às 9h da manhã, representa mais de 88% do público-alvo da vacinação, que é de 92 milhões de pessoas.
Os dados mostram que o governo conseguiu cumprir a meta de 80% de vacinação das pessoas que mais corriam risco de adquirir a doença. "É a maior vacinação que já aconteceu [na história do país]", disse o ministro durante entrevista coletiva em Brasília.
Segundo Temporão, o Brasil foi o país que mais vacinou em termos percentuais a população contra o vírus A H1N1. "42% da população brasileira foi vacinada. O Brasil vacinou um número de pessoas praticamente igual à população da Alemanha", disse.
O ministro também informou que a vacinação continuará nas cidades em que a meta não foi cumprida, e que novos dados sobre a vacinação ainda estão chegando ao ministério.
Mortes
De acordo com o Ministério, em 2010 até agora houve 609 casos graves da nova gripe no país, sendo que 45% das pessoas que foram hospitalizadas por essa doença tinham algum fator de risco e 16% eram gestantes. Entre esses casos, 74 pessoas morreram. Dessas, 54% tinham fatores de risco e 27% eram gestantes. A maior parte dos óbitos (57%) ocorreu na região Norte.
Em 2009, foram registrados 2.051 óbitos pela nova gripe no país. Desse total, 1.539 (75%) ocorreram em pessoas com doenças crônicas e 189 (9%) entre gestantes.

G1

Artigo por: Raphael Gonçalves Nicésio

Os artigos do blog são destinados a estudantes, profissionais e pessoas que se interessam pela biomedicina e demais áreas da saúde. O conteúdo não visa substituir as orientações de um médico, portanto não deve ser utilizado para autodiagnóstico ou automedicação.

Licença Creative Commons
Esta publicação está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional. Não é permitido duplicar, copiar ou reproduzir qualquer parte sem autorização prévia.

1 comentários:

  1. Desses 609 casos graves e 74 mortes por gripe A, quantos ocorreram em pessoas não vacinadas? Faz sentido vacinar 80 milhões de pessoas para evitar um número diminuto de mortes? Os gastos colossais com esta campanha de vacinação, se alocados a outras doenças efectivamente epidémicas como a diabetes, não teriam evitado muitas mais mortes? Algumas ideias sobre gripe A - http://www.canibaisereis.com/tag/gripe-a/

    ResponderExcluir

2007-2016. Biomedicina Brasil. Tecnologia do Blogger.